sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Uma homenagem ao compositor Ilmar Cavalcante – Por Vera Marta

Hoje, sexta-feira, 19 de outubro, comemoramos o aniversário de um dos maiores compositores nordestinos, paraibano e monteirense, Ilmar Cavalcante.
Ilmar, junto ao seu parceiro de cantigas, Nanado Alves, já escreveram mais de 300 músicas ao longo de 25 anos de parceria que irão completar em 2019 e que estão preparando uma grande comemoração entre amigos para esta data.
Como em todos os anos, seu parceiro e irmão, o poeta Nanado Alves, sempre o homenageia com poesias nas suas redes sociais, onde tem o “Plantão da Poesia”, mas esse ano foi diferente. Nanado Alves compôs uma música para homenagear e contar um pouco sobre a história do amigo Ilmar Cavalcante, a música chama-se “Cavalcantear” que entre versos e melodias, Nanado descreve o amigo e parceiro com quem dividiu tantas músicas gravadas por tantos intérpretes como Flávio José, Santanna, Dominguinhos, Eliane, César Amaral, Banda Magníficos, Adelmário Coelho e tantos outros grandes nomes da nossa cultura nordestina, músicas essas bem conhecidas como Mensageiro Beija-Flor, Um Passarinho, A Vida é Você, Monteiro Amor Primeiro, Lápis de Cor, Poucas Palavras. Algumas composições foram feitas pela dupla de 25 anos de história, outras são composições individuais, mas que sempre tem o aval do parceiro.
Ilmar Cavalcante tem 3 filhos, 2 netos, casado atualmente com Jacqueline Freire, cantora e compositora e com quem também já divide histórias na música. A esse grande artista monteirense, compositor de grandes canções, ser humano incrível, amigo de todas as horas, desejamos nossos “Parabéns” e desejamos muitas felicidades e muito mais sucessos e que venham muitas histórias cantadas para todos nós.
Aí está a letra da música feita por Nanado Alves em homenagem ao compadre Ilmar Cavalcante
Cavalcantear
A vida me deu de presente
Um amigo decente
Um grande trovador
Cartilha de palavras belas
Abrindo as janelas
Das razões do amor
Lampejo de verso ou açoite
Ligeiro no palavrear
Derramando um pote de xote
Por cima do cangote de quem quer dançar
Amigo ocupe o seu espaço
E tome o meu abraço
Que bom lhe conhecer
Tô certo que valeu a pena
E a cantiga é pequena
Pra cantar com você
Tracei um trajeto em meu peito
Perfeito foi meu estradar
Quando a vida me deu de presente
Um irmão pra cantar
Cavalcantear,não é pra todo mundo
Tem que pensar profundo
Ser bom na conversa
E cantar o sertão
O céu e o mar
A paixão pelo mundo
Flertar com desejo
De cada versejo
Do seu coração
Vera Marta        (Cariri em Ação)

Nenhum comentário:

Postar um comentário